Diretor da CVC mostra 10 destinos onde o real é forte


1) O Canadá é o primeiro deles. O país, que esta semana elegeu um primeiro-ministro que promete investir em infraestrutura para gerar empregos, mesmo mantendo um déficit nas contas por três anos, está com uma relação custo-benefício muito boa, segundo Adriano Gomes. A partir de março de 2016, os brasileiros não precisarão de visto para o destino, desde que possuam um americano ou tenham visitado o país nos últimos dez anos. Também precisam entrar no Canadá por via aérea. 2) A República Dominicana, com seus resorts com tudo incluído, está 15% mais barata em relação a 2014. “Com tudo incluído o passageiro só tem de se divertir e relaxar”. E há voos diretos do Brasil, sem a necessidade do visto americano. 3) O México também dispensa a necessidade do visto e a desvalorização da moeda local torna o destino um dos mais baratos para o brasileiro neste momento. 4) Dubai, segundo Adriano Gomes, é outro destino em que o real está valorizado e as ofertas aéreas deixam tudo mais atraente. 5 e 6) Croácia e Hungria, no Leste Europeu, não usam o euro como moeda, sofrem com a desvalorização, mas estão atraentes para turistas como os brasileiros. 7) No Chile, Gomes está de olho na variedade de paisagens e de estações. Já há contratos para a temporada de esqui, mas também roteiros com foco em vinho, gastronomia, deserto, entre outros. 8) A vizinha Argentina não poderia estar fora da lista. O país vive uma crise econômica de longa data e o câmbio para os turistas que chegam com dólar (ou real) é atraente. 9) África do Sul é mais uma opção, com um real comprando 3,5 rands. 10) E para quem quer ir mais longe, a Tailândia, segundo Adriano Gomes, está bastante acessível para quem tem o real como moeda. ESTADOS UNIDOS Para as cidades americanas, Adriano Gomes diz que as promoções aéreas têm ajudado muito. Já a hotelaria... Enquanto Orlando e Las Vegas têm hotéis por preços convidativos, Miami e Nova York podem perder brasileiros por causa das altas tarifas. Em Orlando, o destino que mais se mantém em vendas este ano, o aluguel de condomínios ou casas com serviço (com direito a pedido de compras no Walmart), tem crescido bastante. Gomes embarca hoje para o destino, para acertar detalhes de algumas novidades. Las Vegas tem atraído um público diversificado e de alto poder aquisitivo. Outros destinos, como Los Angeles e Washington também têm crescido. “Já fechamos alguns contratos com estações de esqui, mas estamos esperando finalizar o projeto que temos em mente para lançarmos algo bem consistente nesse segmento”, conta Adriano Gomes. Ele destaca ainda o aumento da venda de classe executiva, devido às promoções para os Estados Unidos. EXÓTICOS O próximo grande lançamento do Internacional da CVC será o caderno de Destinos Exóticos, que pula de 25 para mais de 80 opções, com guias falando português e transportes exclusivos para passageiros da operadora. A publicação deve estar nas ruas em novembro.

Fonte: Panrotas


Parceiros
Parceiros_Rumo dos ventos.jpg

Consultoria e Treinamento

Destaques
Posts Recentes

FlyUp Turismo © 2019